FIAT 500 CLASSIC (1957 - 1975)

Após o sucesso do primeiro Fiat 500 era chegado a hora de evoluir.  O novo carro tinha de ser maior, possuir mais espaço, mas ainda tinha de ser essencialmente pequeno, simples e de baixo custo. O projeto foi pensado de dentro para fora. O carro tinha de vestir os ocupantes visando a otimização. 

Com 2,97m e pesando 499kg, chegava ao mercado em 1957 a segunda geração do Fiat 500 - hoje chamado de Classic. Seguindo a tendência da época, utiliza motor traseiro. Levava até quatro ocupantes. 

Foi um grande sucesso em toda Europa e acabou sendo vendido em outras partes do globo. Dando origem uma família de carros.

Permaneceu no mercado até 1975 quando já tinha vendido milhares de unidades e ajudado a motorizar toda a Europa.

Não foi oficialmente vendido no Brasil, embora existam algumas unidades no país. Elas são provenientes de importação independente. Na América do Sul o Fiat 500 Classic foi vendido no mercado argentino e uruguaio.